Fisiologia do Soul Vet

Esse portal é uma forma de compartilharmos experiências de uma medicina integrativa, quântica, sistêmica e holística, que vem ganhando espaço numa uma nova ciência, que permite abordagens com diferentes perspectivas aos nossos pacientes, que aqui são tratados como seres energéticos, completos, inseridos dentro de um contexto ambiental/familiar, dotados de um corpo físico, mental, emocional e espiritual. A questão espiritual aqui será abordada cientificamente, já que nossos pacientes possuem instrumentos biológicos no sistema nervoso central, semelhantes aos nossos, o que permite um mesmo modo operandis de percepção e captação de ondas eletromagnéticas e decodificação em informações neuroquímicas.

Ademais, o Soul Vet acha de extrema importância que a medicina holística e integrativa, não exclua de forma alguma, os profissionais que se afinizam com os tratamentos alopáticos, uma vez que podem ser empregados concomitantemente em inúmeras situações, e podem, em sinergia, atuar nos processos de cura dos nossos pacientes.

Portanto, o funcionamento do Soul Vet não é criar uma medicina segregada, e sim respeitosa e que trabalhe em sinergia, somando conhecimentos e formas de tratamento sem exclusão.

O Soul Vet, entende ainda, que devemos sempre que possível lançar mão de todos os recursos tecnológicos e de métodos diagnósticos em nossas condutas holísticas, bem como para entender mais amiúde a manifestação clínica dos sintomas mediúnicos, como ansiedade, quadro epiléticos, agitação, depressão, bipolaridade, onde o ecodopller, eletroencéfalocardiograma, petscans, bioressonancia, radiestesia, exames de sangue e hormonais, dentre outros, tem colaborado para a comprovação clínica quando nossos pacientes e/ou tutores e/ou nós médicos, podemos nos encontrar em estados alterados de consciência/energéticos, já previstos pelo Código Internacional de Doenças.

O Soul Vet buscará da melhor forma possível, compreender holisticamente nossos pacientes e tutores, pois quando não são observados e tratados pelos médicos veterinários sob esta perspectiva, podemos, fatalmente, diagnosticar e tratar superficialmente ou de forma incompleta nossos pacientes animais, uma vez que a percepção sensorial, de captacao de ondas eletromagnéticas através da glândula pineal, são na medicina moderna, questões que não devem mais serem excluídas pela ciência, como prevê o item F44.3 do Código Internacional de Doenças (CID), que considera os estados patológicos do comportamento advindos de estado alterados de consciência por transe e desdobramentos, que igualmente os animais podem manifestar.

Todos os vertebrados já estudados até a atualidade, possuem a glândula pineal desenvolvidas em maior ou menor grau de funcionamento, que junto com a complexidade evolutiva de outras partes do Sistema Nervoso Central e da consciência, podem clinicamente apresentar manifestações comportamentais, clínicas e hormonais alteradas, nas quais são observadas na prática médica e na semiologia clínica.

Desta forma, devemos considerar que somos todos seres dotados da capacidade mediúnica sobre um ponto de vista da manifestação de alguns comportamentos e alterações mentais e emocionais, que muitas vezes podem ser diagnosticados como distúrbios e desordens comportamentais originadas puramente de alterações epigenéticas ou bioquímicas, quando na verdade, estamos só presenciando um fenômeno natural e funcional da glândula pineal, que é em primeira instância, uma grande “antena” de captação de energia eletromagnética que pode eventualmente, conduzir nosso paciente a estados mentais alterados, como ansiedade, medo, bipolaridade, irritabilidade, convulsões, epilepsias, depressão, euforia, bem como, alterações hormonais, e outras doenças, muitas vezes emaranhadas e espelhadas aos campos mórficos da espécie humana.

Nesta perspectiva, a missão do Soul Vet se cumpre quando as pessoas se encontram para trocarem experiências e aumentarem as chances de cura de nossos irmãos animais.